Índices de NY operam em queda, com atenções voltadas para prévia do PIB do 3º trimestre, foco em IPCA-15 no Brasil e mais destaques do mercado hoje

Os índices futuros de Nova York operam em leve queda nesta quinta-feira (26), ainda em repercussão da sessão com baixas de ontem. Os índices foram pressionados pela alta de Treasury yields e as expectativas para o discurso de Jerome Powell, que não fez menções à política monetária, nem aos rumos atuais da economia.

No conflito entre Israel e o Hamas, o destaque segue na falta de combustível na Faixa de Gaza e para a possibilidade de uma invasão por terra. Na noite de ontem, o exército israelense destacou que realizou operações durante a noite, em preparação para “próxima fase”, de acordo com a CNBC.

Esse passo não seria a invasão por terra, mas a possibilidade do movimento por solo foi reafirmado por Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro de Israel, em discurso televisionado na quarta-feira.

Sobre o combustível, a ONU segue afirmando que as operações de ajuda na área poderão ser interrompidas pela falta e Joe Biden pediu uma pausa nas operações militares de Israel para permitir que mais ajuda chegue a Gaza.

Os Treasury yields recuam leve nesta manhã. Mesmo passado por leve alta na sessão de ontem, os rendimentos avançaram em ritmo mais lento que o visto na semana passada, quando chegaram às máximas em 16 anos.

O retorno do Treasury de 10 anos desce 0,2 pb para para 4,949%, mesma queda do Treasury yield de 2 anos, que recua a 5,119%.

Muito aguardado durante o dia, o discurso do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, não trouxe nenhuma menção nem a política monetária, nem ao estado atual da economia nos EUA. Investidores aguardam com atenção qualquer pista que possa indicar os rumos da decisão do FOMC, que será tomada em 1 de novembro.

A temporada de resultados dos EUA segue e ontem ocorreu a divulgação dos dados da Meta, controladora do Facebook, que apresentou alta de 146% no lucro do terceiro trimestre.

Entre indicadores, a expectativa é que os dados venham abaixo dos últimos números apresentados. Nesta quinta, será apresentado o PIB preliminar do 3º trimestre, com estimativa LSEG de +4,3%. Serão divulgados os dados de núcleo de PCE do 3º trimestre (com projeção LSEG de +2,5%), pedidos de bens duráveis de setembro, com expectativa de +1,7%.

No campo político, após três semanas sem presidente na Câmara dos Representantes dos EUA, o partido Republicano chegou a um consenso para eleição de Mike Johnson, da Louisiana. Ele obteve 220 votos contra 209 atribuído ao líder da minoria democrata, Hakeem Jeffries.

Na Europa, as bolsas amanhecem em queda e as atenções seguem na temporada de resultados e o avanço dos rendimentos dos Treasuries.

As bolsas asiáticas o dia em queda, com recuo de mais de 2% para Nikkei e Kospi. O índice australiano ASX 200 chegou a seu menor patamar desde outubro de 2022.

Na véspera, no Brasil, o Ibovespa fechou em queda de 0,82%, com pressão do exterior.

Entre os indicadores, teremos hoje a divulgação do IPCA-15, com projeção LSEG de alta de 0,20% na comparação mensal e 5,04% no acumulado de 12 meses. Haverá, também, a apresentação de dados de preços ao produto e de fluxo cambial.

Na temporada de resultados, antes da abertura, Klabin (KLBN3) , Santander (SANB11) e WEG (WEGE3) divulgaram seus números.

O Santander Brasil registrou lucro líquido recorrente de R$ 2,729 bilhões no terceiro trimestre deste ano, de acordo com números publicados nesta quarta-feira. Em um ano, o resultado do banco teve queda 12,6%, mas em relação ao segundo trimestre deste ano, teve alta de 18,2%. Já a WEG teve lucro líquido de R$ 1,31 bilhão no 3º trimestre, alta anual de 13,3%.

Klabin, por sua vez, teve queda de 88% na comparação anual ao lucrar R$ 245 milhões e distribuirá juros sobre capital próprio (JCP) de R$ 319 milhões. Após o fechamento, Neoenergia ([ativo=NEOE3]) reportou lucro de r$ 1,5 bilhão, com alta de 3% na comparação anual.

Hoje, teremos divulgações apenas após o fechamento, com os números de Hypera ([ativo=HYPE3]), Multiplan

Fonte: InfoMoney

📊🗞 Veja os principais indicadores às 8h54 : 26/10/2023

🇺🇸 EUA
Dow Jones Futuro (EUA), -0,41%
S&P 500 Futuro (EUA), -0,81%
Nasdaq Futuro (EUA), -1,04%

🌏 Ásia
Shanghai SE (China), +0,48%
Nikkei (Japão), -2,14%
Hang Seng Index (Hong Kong), -0,24%
Kospi (Coreia do Sul), -2,71%
ASX 200 (Austrália), -0,61%

🇪🇺 Europa
FTSE 100 (Reino Unido), -0,82%
DAX (Alemanha), -1,43%
CAC 40 (França), -0,87%
FTSE MIB (Itália), -0,84%
STOXX 600, -0,96%

🚢 Commodities
Petróleo WTI, -1,93%, a US$ 83,73 o barril
Petróleo Brent, -1,72%, a US$ 88,58 o barril
Contrato do minério de ferro na bolsa de Dalian teve alta de 0,69%, a 876,5 iuanes, o equivalente a US$ 119,73

💲 Bitcoin
Os preços do Bitcoin descem -0,39%, a US$ 34.046,30

Fonte: InfoMoney

4 minutos de leitura

Compartilhe:

Crie seu cadastro para acessar a área exclusiva do Portal SVN!

Lá você vai encontrar conteúdos exclusivos para investidores de todos os níveis: cursos, web books, lives, ferramentas e muito mais!

Os melhores conteúdos para você realizar os melhores investimentos

Crie seu acesso gratuito

Informe seus dados

Menu

Simulações de investimentos

Descubra o rendimento de diferentes valores no mercado financeiro.